Header Ads

Kart baiano tem futuro | Com vídeo

Aos 18 anos, Júlio César Filho já tem no currículo um título da principal categoria do Kart baiano, mas sabe que terá que correr atrás do tempo perdido sem kartódromo na Bahia, quando deveria ter disputado a categoria cadete.

Júlinho já tem no currículo um título da principal categoria do Kart baiano.
Por: Miguel Brusell
Fotos: Gabriela Simões

A história de piloto na vida de Júlio César Filho, o Julinho começou aos 15 anos, mas deveria ter começado antes. Devido ao período em que a Bahia ficou sem Kartódromo, quando a pista do Ayrton Senna perdeu os boxes, um pedaço e a dimensão oficial para competições nacionais, Julinho não disputou a categoria Cadete e podia ter iniciando uns dois anos antes nas competições.

O estudante de Administração da Unifacs.
O tempo perdido, o estudante de Administração da Unifacs planeja recuperar com muita dedicação, já que seus planos para os próximos anos é representar o Kart baiano em competições nacionais. Para atingir seu objetivo, Julinho disputa a categoria Sport 400 A que é a principal do campeonato, onde acontece a disputa entre os pilotos do nível máximo.


Nenhum comentário